sexta-feira, maio 15, 2009

Eu Vou Caminhando

Onde esta o sentido de viver
Até onde um homem pode chegar
O que é amar
O que é viver
Deus meu aonde eu estou
Estou caminhando
Estou Vivendo
Até onde posso ir

Uma montanha esta a vista
Um caminho que temos que percorrer
A viver, A sonhar e não parar nunca
Hoje estou aqui
Sonhando, vivendo e acreditando

Deus meu, o mundo esta a minha frente
Mas tu Senhor esta a frente da minha vida
em meu coração, em meu dizer, em meu sonhar
Os sonhos não são para serem interrompidos
mas para serem acreditados
pois devemos caminhar sempre, sem parar para chorar
mas contando as lagrimas
pois a dor é maior se olhar para tras, mas
caminhar sempre em frente até a Cruz

Deus meu tenho um sonho
um sonho de vida, de amor, de Paz e de afeição
eu vou caminhar sempre e acreditar
que um novo dia é uma nova oportunidade
para se amar.

SIMPLESMENTE SERVIR

“Os meus olhos estarão sobre os fiéis da terra, para
que se assentem comigo; o que anda num caminho reto,
esse me servirá. (Salmos 101: 6)”

Na Bíblia existem vários exemplos da excelência de
servir a Deus em meio aos mais variados tempos:
Tempos de prosperidade, de cativeiro, de chuva, de
aflição, de dor, de revelação, etc.
Nos dias do rei Josias, que começou seu reinado muito
jovem no lugar de seu pai o rei idolatra Amom.
A fidelidade a Deus e seu amor pela palavra foi uma
coisa surpreendente naqueles dias.

“1 -TINHA Josias oito anos de idade quando começou a
reinar, e reinou trinta e um anos em Jerusalém; e era
o nome de sua mãe, Jedida, filha de Adaías, de
Bozcate”.
2 E fez o que era reto aos olhos do SENHOR; e andou
em todo o caminho de Davi, seu pai, e não se apartou
dele nem para a direita nem para a esquerda.”
(2 REIS 22:1,2.)

Josias fez uma verdadeira mudança no reino nos seus
dias de governo, pois o povo vinha de um grande tempo
de idolatria e desvios dos caminhos do Senhor. Pois o
sumo sacerdote Hilquias havia achado o livro a Lei de
Deus no templo, pois eles tinham deixado os costumes e
cumprimentos das leis divinas.
Quando o escrivão do rei Safã leu trechos da lei para
o jovem rei Josias, causaram um impacto tão grande em
seu coração que a sua atitude foi consternação e
arrependimento pela nação de Israel.

“11 - Sucedeu, pois, que, ouvindo o rei às palavras
do livro da lei, rasgou as suas vestes. (2 Reis
22:11)

13 - Ide, e consultai o SENHOR por mim, pelo povo e
por todo o Judá, acerca das palavras deste livro que
se achou; porque grande é o furor do SENHOR, que se
acendeu contra nós; porquanto nossos pais não deram
ouvidos às palavras deste livro, para fazerem conforme
tudo quanto acerca de nós está escrito.
( 2 Reis 22:13)

A partir daquele momento o rei Josias começou uma
revolução no reino, mandando destruir os ídolos e
altares que o povo construiu nos tempos de idolatria.
Uma característica marcante nas mudanças em que Josias
colocou o reino, foi sua disposição e alegria em
servir o verdadeiro Deus, pois ele mesmo ia destruindo
as construções idolatras na extensão de Israel.
Um papel importantíssimo no reavivamento de Josias foi
à oração, pois ele ainda jovem começou buscar ao
senhor (2 Cr. 34:3).

A leitura da Palavra: pois quando o sumo sacerdote
hilquias e o escrivão safã, acharam o livro da lei, e
leram diante do rei, o impacto causado no coração do
jovem rei foi muito grande, e esta serve de lição para
nós nos dias de hoje.
Pois as pessoas vivem em tempos de ceticismo como o
nosso e a palavra de Deus tem se tornado irrelevante
para muitas pessoas.

Josias celebrou uma Páscoa ao Senhor como há muito
tempo não se via em Israel, pois o reino estava tão
infestado de idolatria que as pessoas já nem lembravam
mais dos costumes e celebrações ordenados por Moisés.
A reforma e o reavivamento de Josias nos dão um grande
exemplo de como devemos buscar uma verdadeira vida
cristã:

O que podemos aprender com o grande exemplo do rei
Josias:
Buscar ao Senhor nosso Deus de todo o coração e de
toda alma, pois a oração e a forma como podemos falar
tudo que sentimos ao Senhor.
A meditação e estudo da Bíblia, pois somente através
de nossa dedicação para com as Escritura Sagradas é
que poderemos obter um verdadeiro reavivamento diário
em nossas vidas.

Em Cristo

O Choro de um desesperado

Pensado nas palavras que podem descrever este momento
Desespero, por ouvir as promessas de vitória,
Mas quando saio dali o que acontece?
Parece um momento de revolução na mente, pois o que
parecia ser um alivio e renovação, vem novamente à
realidade o que estava antes.
O desespero, a dor, o que minha vida tem realmente
mudado? Tenho sido o espelho da fé que professo?
Perguntas que não consigo responder, meu coração clama
pela voz do Altíssimo, mas, as minhas atitudes, não
tem revelado a fé que tenho em meu coração.

“Porventura buscareis palavras para me repreenderdes,
visto que as razões do desesperado são como vento? (Jó
6: 26)”

A afirmação de Jó me ajuda a conhecer a minha
fragilidade, pois eu não posso procurar motivos para
justificar os meus atos, eu tenho que me libertar, eu
tenho que acreditar, eu tenho que mudar, mas Deus eu
sou fraco.

“Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; na
verdade, o espírito está pronto, mas a carne é fraca.
(Mateus 26 : 41)”

Muitas vezes é assim, que vem a sensação da vida
cristã, muitos de nossos erros e pecados, vem de uma
falta de vigilância e disciplina de oração, de
palavras e de todas as coisas do dia-a-dia: trabalho,
casa, família, no mundo Globalizado em que vivemos,
onde o ser-humano e o pecado têm mais valor do que
Deus.
Vivemos num tempo de aceitação do pecado, pessoas que
tem uma verdadeira vida em duplicidade.
Um cristão fervoroso nos cultos e trabalhos cristãos,
mas um cidadão desonesto.
Um grande levita e musico na igreja, mas um viciado
fora da igreja, vícios estes não apenas em cigarros,
bebidas, mas viciado em musica, em cultura não
cristão, onde a banalização da fé é cada vez maior, e
isto tem tido reflexo na igreja.
Muitas pessoas tem tido uma vida assim, não conseguem
suprimir o pecado, e se adaptam a situações diárias.

Mas o apóstolo Paulo em sua carta aos Romanos nos da
uma exortação e certeza de uma vitória nas aflições,
pecados, se nos centrarmos na obra salvadora de
Cristo.

Não te deixes vencer do mal, mas vence o mal com o
bem. (Romanos 12 : 21)

Realmente, temos que a cada dia lutar contra a nossa
carne que é pecadora, mas através do Espírito Santo,
ter um vida sadia e santa.
Buscando a perfeição em Cristo Jesus.