segunda-feira, março 31, 2014




‘Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem.’ – Hebreus 11:1


Um dos princípios fundamentais de uma caminhada  cristã verdadeiramente não é o medo de enfrentar problemas. Mas a esperança no favor divino que não merecemos.
O dicionário bíblico de Almeida define fé como: Confiança em Deus e em Cristo e na sua Palavra (Mt 15.28; Mc 11.22-24; Lc 17.5).
Confiança esta que não provem de mãos humanas, mas da palavra fiel, que mesmo quando não conseguimos ver, mas acreditamos na recompensa, mesmo que as adversidades sejam imensas.

“Porque por ela os antigos alcançaram testemunho” Hebreus 11:2, será que podemos afirmar que temos uma fé tão determinada como a de Abraão, que em nada conhecia a terra que a foi prometido, mas que pela plena confiança em um Deus que realmente respondia a suas orações, e não aquelas divindades ao qual ela estava acostumado em UR dos caldeus, a terra esta que nos dias de hoje, ainda tem a gigantesca ruína de um zigurate (torres imensas de adoração aos deuses do antigo oriente ( achados na babilônia, ruínas de Samaria, etc)
Os descendentes de Abraão hoje são contados como os grãos de areia, pois existem judeus, que além de Israel, vivem em se não todos, em quase todos os países, existe uma comunidade judaica. O grande patriarca não viu o cumprimento da promessa, mas acreditou nela, pela fé, alcançou a graça. O escritor do livro aos Hebreus quer nos mostrar que nosso sacerdócio esta em Cristo, pois foi o sangue do calvário, que nos libertou do jugo da lei, para que a nossa salvação, seja feita somente pela fé, e não mais por sacrifícios, feitos por mãos humanas.
“Pela fé entendemos que os mundos pela palavra de Deus foram criados; de maneira que aquilo que se vê não foi feito do que é aparente”. – Hebreus 11:3

A ciência procura mostrar qualquer achado arqueológico mais antigo, é uma prova absoluta da evolução humana.
Pois em meio a um mundo onde os ataques as verdades bíblicas, são diários, muitos chegam a desfalecer da fé em Cristo, como o discípulo de Paulo Dimas, que amou o presente mundo, mais do que amou a esperança das promessas.
Mesmo com todas as dificuldades que venham aparecer na caminhada, as vitórias que Cristo nos proporciona, são maiores do que muitas vezes podemos imaginar.
Muitos confiam em carros e cavalos, mas o melhor caminho sempre é estar com Cristo, mesmo que não consigamos ver o final da batalha.

Mas a Fé é a melhor escolha em meio a tudo o que este mundo nos proporciona.


Em Cristo



Nenhum comentário: