sexta-feira, outubro 03, 2008

Até onde os ventos podem soprar

Ontem li uma noticia que me deixou esperançoso, uma mesquita na Jordânia, recebeu o nome de Jesus Cristo

"O templo foi erguido pela família muçulmana Al Otaibi, tradicional na região e com fortes ligações com a comunidade cristã local. "Queremos estabelecer um exemplo que possa ser seguido em outras partes do mundo a favor da coexistência entre religiões", explicou Marwan Al Otaibi.

"Dar o nome de Jesus Cristo ao nosso templo sagrado é um modo de fazer com que o mundo inteiro entenda que o Islã é uma religião de tolerância que ama se comunicar com os outros", acrescentou. (fonte O globo/O Estado de São Paulo)"

Uma grande noticia de tolerância, e esperança, em um mundo tão intolerante, sobre o qual nós vivemos nos dias de hoje.
Num mundo onde milhões de pessoas são perseguidas pelo fato de não expressar a mesma fé que a maioria.
Buscar explicações para intolerância, é apenas olhar a história do mundo nos últimos 2 mil anos.
todos os lados contem erro fatídicos, mas uma noticia de esperança sempre é um colirio nestes tempos.

Como disse Madre Tereza de Calcutá " um hindu tem que ser um bom hindu, um muçulmano tem que ser um bom muçulmano e um cristão tem que ser um bom cristão".
é assim que devemos olhar as pessoas, falo sob uma otica cristã, por expressar a fé cristã.
Mas entendo que todas as pessoas devem ser tolerantes, quando expressam sua fé.

"Que a paz possa reinar neste mundo,
que cada um possa respeitar o próximo,
que o amor do Deus de Abraão, esteja em cada um de seus filhos,
em cada um de seus descendentes.
Que o mundo não se prenda na guerra, mas na paz e na tolerância e no amor e respeito ao próximo".

Que cada um de nós, seja cristão, muçulmano, judeu, hindu, etc,
possa expressar pela sua vida o amor e a tolerância.

Que a paz possa reinar entre nós.

2 comentários:

Polêmica disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Polêmica disse...

Em um mundo cheio de religiões temos que ser tolerantes mesmo. Aqui no Brasil não tem guerra por causa de religião mas, sinto muita discriminação, sinto que passo por uma guerra verbal pelo fato de eu ser evangelica. Tem pessoas que dizem que aceitam todas as religiões, dizem que não têm nada contra mas, na prática eu percebo a discriminação por parte das pessoas a minha volta e por parte da mídia. Embora aqui no Brasil não tenha guerra com derramamento de sangue mas, temos que ter muita tolerância religiosa também!

Beijinhos!